4 dicas fundamentais sobre Registro de Marca online

dicas sobre registro de marca
O registro de uma marca não precisa ser um bicho de sete cabeças. No entanto, é preciso se atentar em alguns detalhes. Nesse post, confira 4 dicas fundamentais sobre Registro de Marca online!

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email

O registro de uma marca não precisa ser um bicho de sete cabeças. No entanto, é preciso se atentar em alguns detalhes. Nesse post, confira 4 dicas fundamentais sobre Registro de Marca online!

Você sabia que, para registrar uma marca, não basta apenas fazer a solicitação? Pois é! Na verdade, existe todo um processo que determina a viabilidade e a legitimidade do pedido.

Assim, o seu registro pode ser negado caso não esteja de acordo com os requisitos do INPI.

No entanto, o registro de uma marca não precisa ser um bicho de sete cabeças. Seguindo algumas dicas simples, você poderá aumentar as suas chances de sucesso, evitando perder tempo e dinheiro com um pedido recusado.

Confira agora 4 dicas fundamentais sobre Registro de Marca online que nós preparamos para você. Boa leitura!

1. Evite registrar um nome muito comum

Primeiramente, não dá para registrar qualquer marca. Ainda mais, o INPI provavelmente irá recusar pedidos de registro para palavras muito comuns, genéricas ou descritivas (como os adjetivos).

Por exemplo, não é possível registrar apenas “A Melhor” ou “Padaria” como um nome de empresa, pois são termos muito habituais.

2. Pesquise se o nome já não está registrado

Além de não tentar registrar um nome muito comum, também é preciso pesquisar no site do INPI se a marca ou logo pretendido já não foram registrados por outras empresas.

Se ninguém teve a mesma ideia antes, já é meio caminho andado.

LEIA TAMBÉM:
4 Dicas Imperdíveis Para Escolher O Nome Do Seu Negócio!

3. Leia o Manual de Marcas

Outro fator essencial para o registro de uma marca é ler atentamente o “Manual de Marcas” do INPI, assim, tendo a certeza que a sua marca não se enquadra em uma das proibições do artigo 124 da Lei de Propriedade Industrial.

Esse é um passo fundamental para a aprovação do seu registro.

4. Contrate uma empresa de registro de marca

Por fim, para facilitar o processo e garantir que ele correrá da forma mais adequada, a melhor opção é contar com a ajuda de especialistas.

Afinal de contas, uma empresa especializada e dedicada saberá como registrar uma marca evitando os erros mais comuns e acompanhando as etapas de perto, cuidando de toda a parte burocrática para você. Como a Shield, que oferece assessoria segura em todo o processo de registro de marcas!

Para mais posts como esse, acompanhe o nosso blog!

Mais conteúdo

marca forte

Como desenvolver uma marca forte e consolidada?

Para construir uma marca forte é preciso se atentar a diversos pontos, como a criatividade e a autenticidade. Quer saber mais? Descubra como desenvolver uma marca forte e consolidada neste post!

Inicie o seu registro de forma simples e segura agora!